Novembro 2010.


Projeto Porto de Galinhas.

Saída em 26/11/10

Hotel Posada Marambaia do Porto.
Avenida Beira Mar, lotes 2 e 3, Merepe II.
Fone: (81) 3552-2226 / 3552-2205

Diferente de uma viagem de carro à outro país, como foi a nossa ao Chile e à Argentina, viajar para o nordeste brasileiro, para ser mais exato, para Porto de Galinhas em Pernambuco, pela terceira vez, não é exatamente o que eu posso chamar de "projeto", mas sim, um passeio de férias para descanso.
A pousada em que nos encontramos hospedados por 10 dias é uma delícia, sem grandes luxos, mas com tudo que um hóspede exigente pode querer. No quarto, uma cama King size, uma ducha excelente, Tv a cabo, wi-fi, serviços de restaurante, uma piscina aquecida, uma varanda de frente para o mar, cadeiras de praia estendidas num gramado sombreado por coqueiros de frente para o mar, e o mar alí, de frente pra pousada, expondo toda a sua beleza, seu som, sua calmaria e sua revolta, como um bipolar, variando de humor a cada doze horas.
Passamos nossos dias à toa, levantando cedo para correr na praia, tomando aquele banho de mar e só depois  voltando à pousada para o café da manhã. Depois decidimos se fazemos algum passeio ou se ficamos por aqui mesmo. Por duas vezes decidimos pelo passeio, o primeiro com um grupo. Fomos à Praia dos Carneiros, localizada ao sul de Porto, mais precisamente no município de Tamandaré.

É uma linda praia, ainda um pouco selvagem, graças à conscientização dos proprietários dos sítios da região, onde o Rio Formoso desagua no mar. O passeio foi bom, mas Gima e eu não mais nos acostumamos a sair com grupos, gostamos de liberdade, de chegar e sair ao nosso desejo, de parar em lugares se quisermos, mas em grupo é tudo cronometrado. Este passseio levou todo o dia e contou com paradas em restaurante a beira mar, piscinas naturais e banho de argila. 

Para o nosso segundo passeio decidimos alugar uma moto, assim teríamos a liberdade almejada. Fomos ao Pontal de Maracaípe, um lugar paradisíaco, onde outro rio, o Maracaípe, se encontra com o mar. Aqui é possível conhecer o habitat do cavalo-marinho, fazer passeio de jangada pelo mangue e fazer trilhas.

No mais, vamos ao Vilarejo de Porto de Galinhas para mergulho nas piscinas naturais, para almoçar ou jantar, recomendo o restaurante BarCaxeira, próximo a praia onde estão as jangadas. Aproveitamos, também, para ver as vitrines do passeio público... ou ficamos na pousada curtindo o mar, o ar, lendo um bom livro, aliás o meu escolhido desta viagem: "Não há silêncio que não termine" de Ingrid Betancourt. Muito bom.




Não sei se quero voltar para... a vida real.







Onde alugar bicicletas: Rua da Esperança, perto do posto Texaco, em frente ao Restaurante Maresias.

Porto de Galinhas, here we go!!!

Novembro 2010.


Projeto Porto de Galinhas.

Saída em 26/11/10

Hotel Posada Marambaia do Porto.
Avenida Beira Mar, lotes 2 e 3, Merepe II.
Fone: (81) 3552-2226 / 3552-2205

Diferente de uma viagem de carro à outro país, como foi a nossa ao Chile e à Argentina, viajar para o nordeste brasileiro, para ser mais exato, para Porto de Galinhas em Pernambuco, pela terceira vez, não é exatamente o que eu posso chamar de "projeto", mas sim, um passeio de férias para descanso.
A pousada em que nos encontramos hospedados por 10 dias é uma delícia, sem grandes luxos, mas com tudo que um hóspede exigente pode querer. No quarto, uma cama King size, uma ducha excelente, Tv a cabo, wi-fi, serviços de restaurante, uma piscina aquecida, uma varanda de frente para o mar, cadeiras de praia estendidas num gramado sombreado por coqueiros de frente para o mar, e o mar alí, de frente pra pousada, expondo toda a sua beleza, seu som, sua calmaria e sua revolta, como um bipolar, variando de humor a cada doze horas.
Passamos nossos dias à toa, levantando cedo para correr na praia, tomando aquele banho de mar e só depois  voltando à pousada para o café da manhã. Depois decidimos se fazemos algum passeio ou se ficamos por aqui mesmo. Por duas vezes decidimos pelo passeio, o primeiro com um grupo. Fomos à Praia dos Carneiros, localizada ao sul de Porto, mais precisamente no município de Tamandaré.

É uma linda praia, ainda um pouco selvagem, graças à conscientização dos proprietários dos sítios da região, onde o Rio Formoso desagua no mar. O passeio foi bom, mas Gima e eu não mais nos acostumamos a sair com grupos, gostamos de liberdade, de chegar e sair ao nosso desejo, de parar em lugares se quisermos, mas em grupo é tudo cronometrado. Este passseio levou todo o dia e contou com paradas em restaurante a beira mar, piscinas naturais e banho de argila. 

Para o nosso segundo passeio decidimos alugar uma moto, assim teríamos a liberdade almejada. Fomos ao Pontal de Maracaípe, um lugar paradisíaco, onde outro rio, o Maracaípe, se encontra com o mar. Aqui é possível conhecer o habitat do cavalo-marinho, fazer passeio de jangada pelo mangue e fazer trilhas.

No mais, vamos ao Vilarejo de Porto de Galinhas para mergulho nas piscinas naturais, para almoçar ou jantar, recomendo o restaurante BarCaxeira, próximo a praia onde estão as jangadas. Aproveitamos, também, para ver as vitrines do passeio público... ou ficamos na pousada curtindo o mar, o ar, lendo um bom livro, aliás o meu escolhido desta viagem: "Não há silêncio que não termine" de Ingrid Betancourt. Muito bom.




Não sei se quero voltar para... a vida real.







Onde alugar bicicletas: Rua da Esperança, perto do posto Texaco, em frente ao Restaurante Maresias.
Leia Mais

Confirmado neste domingo, Goiás Esporte Clube, depois de uma campanha desastrosa na série A do Brasileirão, muita briga da diretoria pelo poder,  é rebaixado para a segunda divisão. Estou de luto!

... 3 dias depois...

Hoje, quarta feira, em uma demonstração de reação épica, o Goiás venceu o Palmeiras por 2 a 1, no Pacaembu, e garantiu a vaga na final da Copa Sul Americana. Agora somos o representante brasileiro no torneio e o vencedor tem garantido uma vaga na Taça Libertadores da América. É a primeira vez que o Goiás chega na final de um campeonato internacional. Apesar da série B, vamos lá, meu Verdão, é pra ser Campeão! 
Durante todo o dia de hoje, ouvi de Palmeirenses um... "sorry, mas hoje vai ser de lavada" ou "coitado do Goiás, sem chances contra o Palmeiras."
Pois olha...
LAVEI MINHA ALMA!

Decepção... Poder de Reação.


Confirmado neste domingo, Goiás Esporte Clube, depois de uma campanha desastrosa na série A do Brasileirão, muita briga da diretoria pelo poder,  é rebaixado para a segunda divisão. Estou de luto!

... 3 dias depois...

Hoje, quarta feira, em uma demonstração de reação épica, o Goiás venceu o Palmeiras por 2 a 1, no Pacaembu, e garantiu a vaga na final da Copa Sul Americana. Agora somos o representante brasileiro no torneio e o vencedor tem garantido uma vaga na Taça Libertadores da América. É a primeira vez que o Goiás chega na final de um campeonato internacional. Apesar da série B, vamos lá, meu Verdão, é pra ser Campeão! 
Durante todo o dia de hoje, ouvi de Palmeirenses um... "sorry, mas hoje vai ser de lavada" ou "coitado do Goiás, sem chances contra o Palmeiras."
Pois olha...
LAVEI MINHA ALMA!
Leia Mais

As famílias Basso e Mendonça são amigas há muitos anos, na verdade Gilmar Basso e Adílio Mendonça trazem da infância um vínculo forte de companheirismo. No vai e vem da vida, Gilmar e sua esposa, Ana Maria, juntamente com suas filhas Mariana e Clarissa se mudaram de Foz para se estabelecerem nos Estados Unidos por 5 anos e ao retornarem, passaram 2 anos em Goiânia, cidade natal de Ana Maria, enquanto Adílio, sua esposa Carmen Syrth e seus 2 filhos Luiz Felipe e Luiz Fernando aprofundaram suas raízes em Foz do Iguaçu. Foi na volta da família Basso dos Estados Unidos que a idéia de trazer o Brasas English Course para Foz do Iguaçu nasceu. Ana Maria, que trabalha com a língua inglesa há 30 anos, foi diretora do Brasas de Goiânia, onde sua família possui a franquia da escola, e essa experiência facilitou a aprovação do Brasas Rio de Janeiro (matriz) na  aquisição da franquia para Foz do Iguaçu. Uma vez aprovada, Ana Maria e sua filha Clarissa, sócia na escola também, convidaram Carmen Syrth, com experiência em administração, para se juntar a elas na empreitada de trazer para Foz do Iguaçu uma escola de inglês com o gabarito do Brasas, há 45 anos no mercado, com mais de 25 mil alunos e escolas em Brasília, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Goiás e Rio Grande do Sul. Só no Rio de Janeiro são mais de 33 escolas.
Um empreitada de sucesso. Com apenas um ano e meio em Foz, o Brasas English Course está dando o que falar! Um curso focado na comunicação oral, desde os cursos de kids ao de adultos, com aulas totalmente em inglês, material próprio, o Brasas é conhecido como o curso onde se sai falando inglês.

As famílias Basso e Mendonça são amigas há muitos anos, na verdade Gilmar Basso e Adílio Mendonça trazem da infância um vínculo forte de companheirismo. No vai e vem da vida, Gilmar e sua esposa, Ana Maria, juntamente com suas filhas Mariana e Clarissa se mudaram de Foz para se estabelecerem nos Estados Unidos por 5 anos e ao retornarem, passaram 2 anos em Goiânia, cidade natal de Ana Maria, enquanto Adílio, sua esposa Carmen Syrth e seus 2 filhos Luiz Felipe e Luiz Fernando aprofundaram suas raízes em Foz do Iguaçu. Foi na volta da família Basso dos Estados Unidos que a idéia de trazer o Brasas English Course para Foz do Iguaçu nasceu. Ana Maria, que trabalha com a língua inglesa há 30 anos, foi diretora do Brasas de Goiânia, onde sua família possui a franquia da escola, e essa experiência facilitou a aprovação do Brasas Rio de Janeiro (matriz) na  aquisição da franquia para Foz do Iguaçu. Uma vez aprovada, Ana Maria e sua filha Clarissa, sócia na escola também, convidaram Carmen Syrth, com experiência em administração, para se juntar a elas na empreitada de trazer para Foz do Iguaçu uma escola de inglês com o gabarito do Brasas, há 45 anos no mercado, com mais de 25 mil alunos e escolas em Brasília, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Goiás e Rio Grande do Sul. Só no Rio de Janeiro são mais de 33 escolas.
Um empreitada de sucesso. Com apenas um ano e meio em Foz, o Brasas English Course está dando o que falar! Um curso focado na comunicação oral, desde os cursos de kids ao de adultos, com aulas totalmente em inglês, material próprio, o Brasas é conhecido como o curso onde se sai falando inglês.
Leia Mais
Todos os direitos reservados