Fátima.

Fátima.
Chegamos em Fátima no final do dia, vindos de Sintra. Estava quase escurecendo, mas foi tempo suficiente para visitarmos a Basílica na sua parte externa, pois o seu interior já estava fechado. Abriria no outro dia à seis da manhã.
Um bloco do Muro de Berlin está em Fátima, transformado em monumento, é um símbolo da reunificação da Alemanha. Numa lápide junto foram escritas as palavras proferidas por João Paulo II, na sua segunda visita a Fátima em maio de 1991: "Obrigado, celeste pastora, por terdes guiado com carinho os povos para a liberdade."
 Vou contar um pouco da história de Fátima. 
Num domingo, em 13 de maio de 1917, passeavam por um lugar conhecido com a Cova da Iria, três pastorinhos, Lucia, Francisco e Jacinta. De repente, foram surpreendidos por uma aparição estranha. Em cima de uma azinheira apareceu a silhueta de uma mulher vestida de branco e envolvida num manto de luz. Só a mais velha dos três, Lúcia, pode falar com ela. Jacinta via-a e ouvia-a, mas Francisco somente a via. Essas aparições, que tinham sido anunciadas por um anjo, repetiram-se nos cinco meses seguintes, mas só na última aparição, no dia 13 de outubro do mesmo ano a mulher acabou por revelar a sua identidade. Era a Virgem do Rosário. E perante 70.000 pessoas, vindas de todos os cantos de Portugal, fez mover o sol durante 10 minutos. O fenômeno foi chamado de "dança do Sol". Esse evento atingiu grande notoriedade e transformou Fátima num dos centros de peregrinação Mariana mais importantes do mundo.



 A imagem de Nossa Senhora do Rosário no topo da Basílica.

Esta é a Basílica da Santíssima Trindade. Trata-se do quarto maior templo católico do mundo em capacidade. A planta é circular por fora e quadrangular por dentro, existindo 12 portas laterais, uma dedicada a cada um dos doze apóstolos e uma grande porta central, a Porta de Cristo. Está localizada na parte oposta à basílica de Nossa Senhora do Rosário.


Fátima se resume às suas duas Basílicas. A sensação de paz, o silêncio..., tudo contribui para a meditação, o pensamento voltado para a fé. Na manhã seguinte pudemos entrar na Basílica de Nossa Senhora do Rosário. Estava em reforma, mas pudemos ver os túmulos de Jacinta e Francisco que se encontram no seu interior.
Próxima parada, Santiago de Compostela.
Sem Comentários

Deixe o primeiro comentário

Todos os direitos reservados